Comunicados de Imprensa

[ Imprimir ] [ Listar Comunicados ]
28-05-2019
Ciência Viva e Marcelo Rebelo de Sousa celebram 100 anos da expedição de Eddington a S. Tomé e Príncipe

Comemoram-se este ano os 100 anos da expedição de Eddington a S. Tomé e Príncipe, durante a qual foi possível medir a curvatura dos raios de luz ao passar junto do Sol durante um eclipse total, tal como Einstein previu na Teoria da Relatividade Geral.

A Ciência Viva está a acompanhar esta semana as celebrações no local, num intercâmbio que junta alunos portugueses que participaram no projecto “Eddington e o peso da luz”, estudantes da Escola Portuguesa de São Tomé e alunos do Príncipe. Em videoconferência estarão também alunos brasileiros de escolas do Sobral que participaram no projecto.

O Presidente da República portuguesa, Marcelo Rebelo de Sousa, está também a partir de hoje na Ilha do Príncipe para participar nas celebrações.

A Presidente da Ciência Viva, Rosalia Vargas, e a Directora Executiva, Ana Noronha, têm visitado escolas do 1.º Ciclo do Príncipe, levando na bagagem exemplares da BD “As Luzes do Príncipe”, escrita pelo investigador da Universidade de Coimbra João Ramalho-Santos e ilustrada por Rui Tavares, sobre o eclipse de 1919, para que estas crianças entendam a importância que a sua Ilha teve na experiência de Eddington.

Vale a pena seguir o diário de bordo sobre esta fantástica expedição que os alunos da Escola Secundária de Afonso de Albuquerque, na Guarda, estão a escrever no Blogue Expressão.

Reportagem fotográfica da expedição aqui.