Anos Anteriores
Anos Anteriores
Área Pessoal
Área Pessoal
Galeria
Galeria
Faqs
Faqs
Início
Início
Resultados de pesquisa







 

Visita à Mina de Sal-gema Campina de Cima - Loulé

Centro Ciência Viva do Algarve em parceria com Bondalti Chemicals S.A.


Data: 20-07-2018 - sexta-feira

Hora de Início: 8:20

Lista de Espera - INSCRIÇÃO OBRIGATÓRIA
Listar as 2 datas desta acção

Descrição: A BONDALTI CHEMICALS S.A. convida a uma descida, por elevador até 230 m de profundidade, ao interior da mina de sal-gema, em Loulé. Na mina serão prestadas explicações sobre a formação e desenvolvimento do depósito mineral de sal-gema comprovadas com factos geológicos visíveis, bem com da atividade mineira e da necessidade de sal-gema na ação humana.

Ponto de encontro: Loulé - Mina Campina de Cima - Parque Mineiro - BONDALTI CHEMICALS S.A.

Como Chegar: Ao chegar a Loulé circule na via circular externa nascente até à _rotunda do cilindro_. Aqui entre para a cidade. Depois, na primeira rotunda siga em frente. Vire depois na primeira via à esquerda. De seguida, vire na segunda via à sua esquerda e encontra a nossa portaria. Entre e estacione à sua esquerda. Bem Vindo à BONDALTI CHEMICALS S.A. - Loulé

Coordenadas GPS: 37.134823717577966 N, -8.007890582084655 O

Ver no Mapa

Idade mínima: 16 anos

Localidade: Loulé / LOULÉ / FARO

Duração: 3.45 h

Transporte durante a acção:

A pé

Equipa: Alexandre Andrade Cátia Barradas

URL: http://www.bondalti.com/pt/multimedia/no

Nota: A visita pode ser cancelada sempre que não se encontrem reunidas as condições de segurança para a sua realização.

A BONDALTI CHEMICALS S.A. poderá realizar filmagens que podem envolver os participantes, sendo que as mesmas imagens podem vir a ser difundidas em meios internos ou externos à BONDALTI CHEMICALS S.A.

Custo da acção: 6€ por pessoa



Partilhar

ID: 6826

Minas de Ouro de Castromil: uma viagem ao passado

Planetário do Porto - Centro Ciência Viva em parceria com Município de Paredes


Data: 20-07-2018 - sexta-feira

Hora de Início: 9:30

Lista de Espera - INSCRIÇÃO OBRIGATÓRIA
Listar as 4 datas desta acção

Descrição: Conhecendo o passado podemos entender o presente. Em Castromil é possível observar vários aspetos geológicos e visitar trabalhos de exploração de ouro da época romana, assim como trabalhos recentes de prospeção. Visite o Centro de Interpretação das Minas de Ouro de Castromil e Banjas – CIMOCB, participe numa caminhada ao ar livre e aventure-se numa visita subterrânea.

Ponto de encontro: No estacionamento junto ao restaurante Napoleão, à entrada da localidade, no cruzamento da EN319 com a rua de Castromil.

Como Chegar: Seguir pela A4 (Porto/Amarante), sair em Baltar/Parada, virar à direita seguindo pela N319, em direção à Sobreira. Em alternativa: linha de caminho-de-ferro do Douro, com saída na estação de Recarei-Sobreira, deverá sair pelo lado contrário à Bilheteira, chegar a EN319-2, virar na 2ª direita pela R. 25 de Abril, subindo até encontrar um cruzamento, atravessa a estrada e vira ligeiramente à esquerda, apanhando novamente a R. 25 de Abril, ao cimo desta rua novo cruzamento , vira à esquerda e segue até encontrar o Café/Restaurante Napoleão.

Coordenadas GPS: 41.158095405529025 N, -8.393667340278625 O

Ver no Mapa

Idade mínima: 0 anos

Localidade: Castromil - Sobreira / PAREDES / PORTO

Itinerário: Trajeto de cerca de 3km com visita ao CIMOCB e passagem pelas minas de ouro de Castromil

Duração: 3.00 h

Transporte durante a acção:

A pé

Equipa: Natália Félix (geóloga, Câmara Municipal de Paredes) Maria Antónia Silva (arqueóloga, Câmara Municipal de Paredes) Alexandre Lima (geólogo/docente, DGAOT-FCUP)

URL: http://www.fc.up.pt/pessoas/allima/Castr

Nota: Usar calçado e vestuário adequado à caminhada e à visita subterrânea.

Partilhar

ID: 5876

Ciência Ao Sul | Praia da Salema

Centro Ciência Viva de Lagos


Data: 20-07-2018 - sexta-feira

Hora de Início: 10:00

Inscrição opcional

Descrição: A Ciência e a Engenharia vão à praia e, entre dois mergulhos, descobre que as praias são (também) locais para a Ciência!
Na Tenda Ciência Ao Sul do Centro de Ciência Viva de Lagos podes encontrar vulcões de areia, construir papagaios de papel, lançar pára-quedas, fazer gelados sem frigorífico, desvendar os segredos das pegadas ou simplesmente aproveitar os benefícios do Sol.

Ponto de encontro: Na Praia da Salema nas imediações ao Restaurante Atlântico.

Como Chegar: Partir de Lagos pela EN125 em direção a Vila do Bispo/Sagres até encontrar à esquerda o desvio para Salema. Seguir para esta localidade e estacionar junto à praia.

Coordenadas GPS: 37.06545352408716 N, -8.822536332299932 O

Ver no Mapa

Idade mínima: 4 anos

Localidade: Praia da Salema, Vila do Bispo / VILA DO BISPO / FARO

Duração: 1.00 h

Transporte durante a acção:

Equipa: Sara Mira Hélder Ferreira Luís Azevedo Rodrigues

URL: http://www.lagos.cienciaviva.pt/home/

Partilhar

ID: 5673

Da rocha ao caco... Breve História da cerâmica contada por geólogos e arquelólogos

Centro Ciência Viva de Estremoz em parceria com Escola de Ciências Sociais da Universidade de Évora


Data: 20-07-2018 - sexta-feira

Hora de Início: 10:00

Inscrição Obrigatória (8 vagas)

Descrição: Durante a Pré-História o Homem aprendeu a converter a matéria-prima da Natureza em recipientes com formas/funções diversas, que viriam a tornar-se indispensáveis nas actividades diárias. Geólogos e arqueólogos contam a história da cerâmica - desde formações geológicas na origem dos barreiros, ao fabrico das primeiras cerâmicas manuais e a torno, até à descoberta do ‘caco’ em contexto arqueológico.

Ponto de encontro: Centro Ciência Viva de Estremoz

Como Chegar: Em pleno centro da cidade. Para chegar a Estremoz Seguir pela N4 (sentido Elvas) ou pela A6 (sentido Espanha). Seguir pela A6 até à saída de Estremoz. Entrar na cidade até ao seu Centro (Rossio Marquês de Pombal) e procurar Convento das Maltezas/Pólo da Universidade de Évora.

Coordenadas GPS: 38.842793268533164 N, -7.584635317325592 O

Ver no Mapa

Idade mínima: 6 anos

Localidade: Estremoz / ESTREMOZ / EVORA

Duração: 2.30 h

Transporte durante a acção:

A pé, Automóvel próprio

Equipa: Mónica Rolo, Rui Dias, Isabel Machado e Alexis Soares

URL: http://www.ccvestremoz.uevora.pt

Partilhar

ID: 7196

Alviela - da serra à lezíria

Centro Ciência Viva do Alviela em parceria com Amigos da Vida Selvagem (AVS)


Data: 21-07-2018 - sábado

Hora de Início: 9:00

Inscrição Obrigatória (3 vagas)

Descrição: Alviela… antes de mergulhares no Tejo, depois de saíres da serra, que maravilhas guardas? Com este espírito iremos fazer o percurso da nascente até à foz do Alviela. Pelo caminho, serão abordados os aspectos geológicos, biológicos (fauna e flora), património cultural associado (azenhas, moinhos e aqueduto) e a relação do ser humano com o rio (agricultura, indústrias vs. poluição).

Ponto de encontro: Centro Ciência Viva do Alviela – Olhos de Água do Alviela – Alcanena

coordenadas: 39.44543981646207,-8.710484504699707

Como Chegar: Vindo de Lisboa ou Porto: A1 saída Torres Novas/Abrantes, saída Alcanena/Minde, seguir em direção a Alcanena, seguir sinalética Centro Ciência Viva do Alviela - CARSOSCÓPIO.
Vindo de outros pontos: seguir em direção a Alcanena, seguir sinalética Centro Ciência Viva do Alviela - CARSOSCÓPIO.

Coordenadas GPS: 39.44543981646207 N, -8.710484504699707 O

Ver no Mapa

Idade mínima: 6 anos

Localidade: Olhos de água do Alviela - Alcanena / ALCANENA / SANTAREM

Itinerário: Nascente do Alviela - Louriceira - Vaqueiros - Pernes - S. Vicente do Paul - Foz do Alviela

Duração: 8.00 h

Transporte durante a acção:

Automóvel próprio

Equipa: Melanie Raimundo Patrícia Silva

URL: http://www.alviela.cienciaviva.pt

Nota: Levar roupa e calçado adequado, água, comida (incluindo almoço) e protector solar

Partilhar

ID: 6006

Data: 21-07-2018 - sábado

Hora de Início: 9:30

Lista de Espera - INSCRIÇÃO OBRIGATÓRIA
Listar as 4 datas desta acção

Descrição: Percurso de 4km na “Rota da Salina”, divulgando a importância histórica da atividade salineira e destacando a importância das salinas enquanto ecossistemas artificiais de elevada biodiversidade (ex: avifauna). Inclui uma visita ao centro de interpretação do EcoMuseu do Sal.

Ponto de encontro: Núcleo Museológico do Sal, Lavos

Como Chegar: Direção Figueira da Foz pela A14, siga pela saída 1 para convergir com N109 em direção a Leiria. Continue na N109. Siga pela Av. 12 de Julho para a R. Voltinha.

Coordenadas GPS: 40.1119184137848 N, -8.8330078125 O

Ver no Mapa

Idade mínima: 6 anos

Localidade: Lavos - Figueira da Foz / FIGUEIRA DA FOZ / COIMBRA

Duração: 2.00 h

Transporte durante a acção:

A pé

Equipa: Zara Teixeira, Tiago Verdelhos, Ana Carla Garcia, Ana Marta Gonçalves, Cátia Marques, Carlos Gonçalves, Cláudia Moreira, Cristina Rocha, Filipa Bessa, Helena Veríssimo

URL: http://www.exploratorio.pt

Nota: Esta atividade é desenvolvida em parceria com o MAREFOZ (laboratório avançado do polo do MARE da Universidade de Coimbra), o Núcleo Museológico do Sal e a Câmara Municipal da Figueira da Foz.

Partilhar

ID: 6776

Falhas e sismos no Terras de Cavaleiros Geoparque Mundial da UNESCO

Centro Ciência Viva de Bragança em parceria com Associação Geoparque Terras de Cavaleiros


Data: 21-07-2018 - sábado

Hora de Início: 9:30

Inscrição Obrigatória (18 vagas)

Descrição: O Terras de Cavaleiros Geoparque Mundial da UNESCO convida-o a conhecer as falhas geológicas existentes no território e a compreender a sua relação com alguns dos aspetos do relevo atual.

Ponto de encontro: Centro de Informação do Geopark Terras de Cavaleiros
41⁰__________ 32’ 16.15’’ N 6⁰__________ 58’ 08.29’’ W

Como Chegar: A4 - Saída Macedo de Cavaleiros
IP2 - Saída Macedo de Cavaleiros

Coordenadas GPS: 41.538265477184645 N, -6.969307065010071 O

Ver no Mapa

Idade mínima: 7 anos

Localidade: Macedo de Cavaleiros / MACEDO DE CAVALEIROS / BRAGANCA

Duração: 3.00 h

Transporte durante a acção:

Equipa: Pedro Peixoto (Formador Especializado em Geologia - Associação Geoparque Terras de Cavaleiros) João Alves (Formador Especializado em Geologia - Associação Geoparque Terras de Cavaleiros)

URL: http://geoparkterrasdecavaleiros.net/

Nota: É aconselhável o uso de calçado e roupa adequada às caminhadas_ chapéu_ água_ protetor solar e óculos de sol.

Partilhar

ID: 7055

Na rota dos georrecursos: visita técnica a unidade de transformação de rocha

Planetário do Porto - Centro Ciência Viva em parceria com Departamento de Engenharia Geotécnica do Instituto Superior de Engenharia do Porto


Data: 21-07-2018 - sábado

Hora de Início: 9:30

Inscrição Obrigatória (7 vagas)

Descrição: Nesta acção inclui-se uma visita técnica a uma unidade de transformação de rocha. Será efectuada uma visita à unidade de transformação de rocha ornamental (INCOVECA granitos SA), bem como a discussão dos principais aspectos de caracterização, transformação, processamento e gestão de georrecursos pétreos.

Ponto de encontro: Instituto Superior de Engenharia do Porto (ISEP)
Rua de São Tomé
Porto

Como Chegar: Metro (linha Amarela, D), Estação IPO ou Estação Pólo Universitário da Asprela

Coordenadas GPS: 41.17816466576236 N, -8.609224408864975 O

Ver no Mapa

Idade mínima: 7 anos

Localidade: Tondela / TONDELA / VISEU

Itinerário: Porto (ISEP) - Tondela (INCOVECA) - Porto (ISEP)

Duração: 4.00 h

Transporte durante a acção:

Automóvel próprio

Equipa: José Augusto Fernandes (DEG|ISEP) Liliana Freitas (LABCARGA|ISEP) Helder I. Chaminé (DEG e LABCARGA|ISEP)

Nota: Os participantes deverão levar roupa e calçado confortável para caminhada, protector solar, chapéu e impermeável, bem como uma refeição rápida e água. Conta-se com apoio da direcção da empresa INCOVECA granitos SA.

Partilhar

ID: 5870

Torre do Castelo de Aguiar de Sousa - uma viagem com história

Planetário do Porto - Centro Ciência Viva em parceria com Município de Paredes


Data: 21-07-2018 - sábado

Hora de Início: 10:00

Inscrição Obrigatória (9 vagas)
Listar as 2 datas desta acção

Descrição: A Torre Castelo de Aguiar de Sousa, estrategicamente implantada nas margens do Rio Sousa, num promontório rochoso. Este local terá sido atacado pelo Almançor em 995 e foi cabeça do poderoso Julgado de Aguiar de Sousa no século XIII.
Este monumento integra a Rota do Românico e está inserido no recém criado Parque das Serras do Porto.

Ponto de encontro: Estrada Municipal 319, junto ao acesso à Torre do Castelo de Aguiar de Sousa
Coordenadas: 41° 7_26.40_N / 8°26_14.09_W

Como Chegar: Circulando na A41, sair em Aguiar de Sousa, seguir pela estrada municipal 319 em direção à Torre do Castelo de Aguiar de Sousa, seguindo a sinalética existente.

Idade mínima: 0 anos

Localidade: Aguiar de Sousa / PAREDES / PORTO

Duração: 1.30 h

Transporte durante a acção:

Automóvel próprio

Equipa: Natália Félix (geóloga, Câmara Municipal de Paredes) Maria Antónia Silva (arqueóloga, Câmara Municipal de Paredes) Joaquim Costa (Rota do Românico)

Nota: Usar calçado adequado atendendo ao acesso.

Partilhar

ID: 6879

A história da Terra num copo de vinho - OPP Ciência 2017 - Tabernas do Alentejo, Arte e Ciência

Centro Ciência Viva de Estremoz em parceria com Departamento de Geociências, Universidade de Évora


Data: 21-07-2018 - sábado

Hora de Início: 10:00

Inscrição Obrigatória (8 vagas)

Descrição: Numa breve visita à vinha é possível observar e interpretar alguns episódios da fabulosa história da Terra e tentar transpô-los para o vinho. Na adega procuraremos, no vinho, o sabor do lugar. Este é o espantoso mundo da enogeodiversidade que desejamos viver numa experiência que associa ciência, arte e cultura, através de um simples copo de vinho.

Ponto de encontro: Cidade Romana de Ammaia (Marvão)

Como Chegar: Seguir as indicações (no sentido de Marvão) para a freguesia de São Salvador da Aramenha, virar na indicação - Ammaia.

Coordenadas GPS: 39.37066060965578 N, -7.3861344158649445 O

Ver no Mapa

Idade mínima: 18 anos

Localidade: Marvão / MARVÃO / PORTALEGRE

Duração: 3.00 h

Transporte durante a acção:

A pé, Automóvel próprio

Equipa: Carlos Cupeto, Rui Reguinga

Acessibilidade: Esta ação está assinalada como acessível a pessoas portadoras de deficiência.

URL: http://www.ccvestremoz.uevora.pt

Partilhar

ID: 7189

Porque estão os castelos onde estão? O exemplo do Castelo de Estremoz

Centro Ciência Viva de Estremoz em parceria com Departamento de Geociências, Universidade de Évora


Data: 21-07-2018 - sábado

Hora de Início: 10:30

Inscrição Obrigatória (8 vagas)
Listar as 2 datas desta acção

Descrição: Nesta ação será analisado o caso do castelo de Estremoz, não só na perspectiva da sua arquitectura, mas também procurando perceber qual a génese da colina onde se localiza.

Ponto de encontro: Centro Ciência Viva de Estremoz

Como Chegar: Em pleno centro da cidade. Para chegar a Estremoz Seguir pela N4 (sentido Elvas) ou pela A6 (sentido Espanha). Seguir pela A6 até à saída de Estremoz. Entrar na cidade até ao seu Centro (Rossio Marquês de Pombal) e procurar Convento das Maltezas/Pólo da Universidade de Évora.

Coordenadas GPS: 38.84282878307911 N, -7.584713101387024 O

Ver no Mapa

Idade mínima: 6 anos

Localidade: Estremoz / ESTREMOZ / EVORA

Duração: 2.30 h

Transporte durante a acção:

A pé

Equipa: Luísa Neves, Rui Dias, Eduardo Pereira, Alexis Soares, Vânia Silva, André Paiva, Adriana Batista e Mário Silva

Acessibilidade: Esta ação está assinalada como acessível a pessoas portadoras de deficiência.

URL: http://www.ccvestremoz.uevora.pt

Nota: Levar água, vestuário e calçado adequado para uma caminhada de pequena dificuldade, mas que conta com uma subida do Rossio até à torre de Menagem.
Atividade realizada em parceria com o Município de Estremoz e Pousada Rainha Santa Isabel de Estremoz.

Partilhar

ID: 6128

Data: 22-07-2018 - domingo

Hora de Início: 8:00

Lista de Espera - INSCRIÇÃO OBRIGATÓRIA
Listar as 2 datas desta acção

Descrição: Os participantes farão uma pequena visita a uma região com potencial para exploração de recursos minerais.
Partindo desta visita serão colhidas amostras de sedimentos de linha de água e será feita a separação de minerais pesados com os métodos utilizados pelos antigos garimpeiros de ouro.
O material resultante deste trabalho será observado à lupa para identificação dos minerais preciosos ou não.

Ponto de encontro: Porta principal do mercado municipal de Évora

Como Chegar: Chegando a Évora, seguir direcção Praça do Giraldo pela Rua da República (sentido ascendente, único), virar à esquerda na segunda rua e andar 150m (Praça 1º de Maio).

Coordenadas GPS: 38.56895076635909 N, -7.909413278102875 O

Ver no Mapa

Idade mínima: 6 anos

Localidade: Valverde - Èvora / ÉVORA / EVORA

Itinerário: Évora-Valverde-Évora

Duração: 8.00 h

Transporte durante a acção:

A pé, Automóvel próprio

Equipa: Pedro Nogueira, Noel Moreira, Miguel Maia, Pedro Mendes e Diogo S. Pedro

URL: http://www.ccvestremoz.uevora.pt

Nota: Levar água, roupa e calçado confortável.

Partilhar

ID: 6723

Histórias guardadas nas rochas de Loulé

Centro Ciência Viva do Algarve em parceria com GeoWalks & Talks


Data: 22-07-2018 - domingo

Hora de Início: 9:30

Lista de Espera - INSCRIÇÃO OBRIGATÓRIA
Listar as 2 datas desta acção

Descrição: As ruas, os pavimentos, os edifícios, os monumentos de Loulé estão repletos de rochas e fósseis. De onde vieram essas rochas usadas nas nossas calçadas, nos monumentos, nas casas? Que histórias nos contam? Neste percurso vamos descobrir de onde vieram algumas rochas que hoje estão nas ruas de Loulé e que histórias os animais aprisionados nelas há tanto tempo têm para nos contar.

Ponto de encontro: Câmara Municipal de Loulé

Como Chegar: Na A22 sair na saída em direção a Loulé. Em Loulé dirigir-se em direção à Câmara Municipal, junto ao edifício do Mercado Municipal.

Coordenadas GPS: 37.138958170921875 N, -8.022310137748718 O

Ver no Mapa

Idade mínima: 8 anos

Localidade: Loulé / LOULÉ / FARO

Itinerário: Vários locais na cidade de Loulé

Duração: 3.00 h

Transporte durante a acção:

A pé

Equipa: Hélder Pereira e Francisco Lopes

Acessibilidade: Esta ação está assinalada como acessível a pessoas portadoras de deficiência.

Nota: DEVE LEVAR: Roupa e calçado confortável e apropriados para caminhar e adequados às condições atmosféricas, água e pequeno lanche.
Para as ações durante o dia deve levar chapéu e protetor solar.
Algumas ações são realizadas à noite.

Partilhar

ID: 6949

Fósseis de corais no Barrocal Algarvio

Centro Ciência Viva do Algarve


Data: 23-07-2018 - segunda-feira

Hora de Início: 10:30

Inscrição Obrigatória (7 vagas)
Listar as 2 datas desta acção

Descrição: Sabia que há recifes de corais com cerca de 150 milhões de anos no barrocal agarvio?
Sabia que estes fosseis nos ajudam a determinar o clima existente dessa época antiga?
Venha mergulhar num mar desaparecido e conhecer os animais que nele habitaram!

Ponto de encontro: Cruzamento à entrada da amendoeira na estrada municipal M523

Como Chegar: Em Loulé, tomar a estrada para Querença. Em Clareanes, virar à direita e seguir até amendoeira.

Coordenadas GPS: 37.17498748825181 N, -7.96633243560791 O

Ver no Mapa

Idade mínima: 8 anos

Localidade: Entre Amendoeira e Malhão / SÃO BRÁS DE ALPORTEL / FARO

Itinerário: Itinerário curto, os locais encontram-se à beira da estrada.

Duração: 2.00 h

Transporte durante a acção:

A pé

Equipa: Stefan Rosendahl, Miguel Rodrigues

Nota: Recomenda-se calçado confortável, colete reflector, protector solar e boné e garrafa com água. Não há sombras ao longo do percurso.

Partilhar

ID: 7181

Da Pedreira à bancada da cozinha - a surpreendente história dos Mármores do Alentejo

Centro Ciência Viva de Estremoz em parceria com Departamento de Geociências, Universidade de Évora


Data: 24-07-2018 - terça-feira

Hora de Início: 9:30

Inscrição Obrigatória (20 vagas)
Listar as 2 datas desta acção

Descrição: Quando chegamos à cidade de Estremoz, uma das características inevitáveis da cidade são as suas cores brancas, resultante da utilização dos seus mármores. Este mármore é um dos mais conhecidos mármores mundiais e a sua utilização, transformação e exploração serão observadas in situ. A sua génese remonta a uma época longínqua, no interior de uma cadeia de montanhas, agora dizimada.

Ponto de encontro: Centro Ciência Viva de Estremoz

Como Chegar: Sentido Porto/Lisboa -> Estremoz (ver mapa)
A partir do Porto tome a A1 até Lisboa. Apanhar a A2-Sul até à saída para a A6 (Évora, Espanha). Seguir pela A6 até à saída de Estremoz. Entrar na cidade até ao seu Centro (Rossio Marquês de Pombal). Convento das Maltezas
Sentido Algarve/Beja/Évora -> Estremoz (ver mapa)

A partir do Algarve tome a A2-Norte até a saída de Beja/Ourique. Seguindo pelo IP2-Norte até Évora nesta cidade segue para Estremoz ao longo da EN 18. Entrar na cidade até ao seu Centro (Rossio Marquês de Pombal)- Convento das Maltezas.

Coordenadas GPS: 38.84271283846662 N, -7.58468896150589 O

Ver no Mapa

Idade mínima: 16 anos

Localidade: Estremoz / ESTREMOZ / EVORA

Duração: 3.00 h

Transporte durante a acção:

A pé, Automóvel próprio

Equipa: Rui Dias, Noel Moreira, Alexis Soares, Vânia Silva, André Paiva, Adriana Batista e Mário Silva

URL: http://www.ccvestremoz.uevora.pt

Nota: Levar calçado/roupa confortável, água e chapéu.
Entidades Parceiras: Grupo Galrão, Grupo Mota-Engil e Margaça.

Partilhar

ID: 6706



Páginas:1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | Todas

Existem 136 acções que correspondem à sua pesquisa

       
     
Início
Página principal